Entrevista

João Cabral de Melo Neto

JOÃO CABRAL DE MELO NETO: FLASHES DE UMA VISITA Régis Bonvicino No dia 7 de janeiro deste ano (1980), Nelson Ascher e eu fomos visitar João Cabral de Melo Neto, no Rio, em seu apartamento na praia do Flamengo, levados por outro pernambucano, nosso amigo Sebastião Uchoa Leite. Vindo de Quito, ele seguiria em breve para assumir o posto de embaixador em Tegucigalpa. Fui, apenas, para conhecê-lo em carne e osso, sem ...

Read More

Jerome Rothenberg

SOMOS TODOS DE CHULA VISTAConversa de Jerome Rothenberg com Charles Bernstein, Cecilia Vicuña, Régis Bonvicino e Marjorie Perloff Poeta, tradutor e ensaísta, Jerome Rothenberg nasceu, em 1931, em Nova Iorque. É o criador, na pós-modernidade, do que se denomina hoje de “etnopoesia” – linha de trabalho que incorpora, emprestando-lhe o mesmo peso das poéticas ocidentais modernas de vanguarda, cânticos, lendas e narrativas indígenas norte-americanas e de outras nacionalidades bem como outras ...

Read More

Eduardo Milán

Bush é a obra-prima do presente Eduardo Milán está entre as três dúzias de poetas que contam hoje no mundo, após a queda da razão utópica (anos 1980) e do reconhecimento – por parte dos artistas inclusive – da ordem mundial como presente infinito. A poesia é hoje, tanto quanto a arte, uma produção acrítica. Além de poeta, Milán, nascido em Rivera, Uruguai, em 1952, é também excelente crítico de cultura. ...

Read More

Douglas Messerli

ENTREVISTA COM DOUGLAS MESSERLI Você vê futuro para a poesia em um mundo mercantilista?A poesia ou qualquer atividade literária inovadora vai enfrentar dificuldades de sobrevivência em um mundo, cada vez mais, voltado para o consumo. Todavia, se alguma literatura inovadora conseguir sobreviver, será a poesia, pois, ntre todas as artes, é a menos vinculada às mudanças monetárias.Aqui, nos Estados Unidos, o teatro (não o de Andrew Lloyd Weber) e a poesia ...

Read More

Décio Pignatari

TORQUATO NETO: CONVERSA ENTRE DÉCIO PIGNATARI E RÉGIS BONVICINO Como você situaria Torquato? Um poeta letrista ou um poeta que fazia poesia escrita?Torquato era um criador-representante da nova sensibilidade dos não-especializados. Um poeta da palavra escrita que se converteu à palavra falada, não só à palavra falada idioletal brasileira, mas a palavra falada internacional. A palavra falada do Português do Brasil - e não o brasileirês, fosse piauiense, baiano, carioca ou ...

Read More

Claude Royet-Journoud

UMA SÓ PALAVRA Claude Royet-Journoud e Régis BonvicinoTexto publicado em Sibila, a. 4, nº 7, novembro de 2004Claude Royet-Journoud nasceu, em 1941, na cidade de Lyon, na França. Vive em Paris há décadas. Trabalhou, durante trinta anos, numa tetralogia poética que foi sendo lançada por partes: Le Reversement (1972), La notion d'obstacle (1978), Les objets contiennent l'infini (1983) e Les natures indivisibles (1997), todas editados pela Gallimard. Organizou, juntamente com Emmanuel ...

Read More

Charles Bernstein

Entrevista a Charles Bernstein DESMANIFESTO: SINGING UNDER TEST(UNMANIFESTO: SIGN UNDER TEST) pagando em dobro, levando só a metadepaying double but taking only half! Se um idioma pudesse falar,nos recusaríamos a entendê-loif language could talkwe would refuse to understand itsi la lengua hablarano la entenderíamoso céu dormentee a cobra pode dar o boteaviões no céu...the skies liesso the dirt could give the bootel cielo mientepara que la tierra dé la botanada de horizonte no ...

Read More

Caetano Veloso

Entrevista de Caetano Veloso a Régis Bonvicino [1] A entrevista que se segue foi publicada em 1980 em um dos números da revista Código, editada em Salvador, por Erthos Albino de Souza – hoje uma raridade. Erthos apoiava financeiramente algumas das empreitadas decisivas de Augusto e Haroldo de Campos como a publicação do resgate de Sousândrade e igualmente a publicação do livro completo Poetamenos, de Augusto. Engenheiro da Petrobras, ele experimentava poemas em ...

Read More

Arkadii Dragomoshchenko

Entrevista de Arkadii Dragamoshchenko a Régis Bonvicino e Odile Cisneros UMA VOZ VIVA DA RÚSSIAArkadii Dragomoshchenko nasceu em Potsdam (Berlim), em 1946, mas cresceu em Vinnitsa, Ucrânia. Estudou língua e literatura russa no Instituto Pedagógico de Vinnitsa antes de se mudar para Leningrado (hoje São Petersburgo), freqüentando, nesta cidade, o Instituto Teatral. Foi aí que começou sua carreira de jornalista, ensaísta e poeta, trabalhando também para o Teatro Estadual Smolensk e ...

Read More

Rogério Eduardo Alves

Entrevista para Rogério Eduardo AlvesEm 24 de junho de 2002 SOBRE LINDERO NUEVO VEDADO E OS TEMPOS ATUAIS 1. Estive em Paris em novembro 1995 , para um umas leituras, e lá conheci o músico cubano Carlos Ibañez, que, ao final do encontro, deixou-me seu endereço em Havana: Calle 41, n. 1658, entre 36 e Lindero Nuevo Vedado. Nuevo Vedado é um bairro de Havana. A expressão nunca mais me saiu da cabeça. ...

Read More